Modelagem da Cinética de desidratação de caroços de jaca (Artocarpus integrifólia)

Autores

  • Carlos E. M. Jeronimo Universidade Potiguar

Palavras-chave:

jaca, desidratação, difusividade efetiva

Resumo

A escassez por alimentos nutritivos e de baixo custo força a necessidade do desenvolvimento de produtos oriundos dos rejeitos agroindustriais, sobretudo da industrialização de frutas. Dentre os destaques nesse segmento tem-se o processamento dos caroços, de alto valor nutricional. Neste trabalho é feito um estudo sobre a cinética de desidratação de caroços de jaca, Artocarpus integrifólia. Foram estudados diferentes níveis de temperatura (343, 353, 363 e 373K) para o processo. Os resultados experimentais foram ajustados a modelos matemáticos que definem parâmetros a serem utilizados na otimização das variáveis operacionais, para obtenção de um complemento alimentar a base deste resíduo agroindustrial. Os resultados demonstraram bons níveis de ajuste ao modelo de segunda ordem de Fick, para camadas finas, com níveis de coeficientes de correlação superiores a 98%.

Downloads

Publicado

2012-08-13

Como Citar

Jeronimo, C. E. M. (2012). Modelagem da Cinética de desidratação de caroços de jaca (Artocarpus integrifólia). Scientia Plena, 8(6). Recuperado de https://www.scientiaplena.org.br/sp/article/view/840

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.