Estimativa e análise temporal do uso e ocupação do solo no entorno do refúgio de vida silvestre Mata do Junco com base em processamento digital de imagens orbitais

Autores

  • J. O. M. Neto
  • D. V. Guimarães
  • M. I. S. Gonzaga

Palavras-chave:

Vulnerabilidade, ordenamento territorial, sensoriamento remoto

Resumo

As pressões antrópicas sobre o ambiente natural contribuem com a redução da diversidade biológica. O monitoramento e avaliação temporal do uso e ocupação do solo são imprescindíveis para o planejamento e organização territorial, a fim de garantir o uso sustentável dos recursos naturais existentes e preservá-los para gerações futuras. O presente estudo aponta a evolução do uso e ocupação do solo no entorno do refúgio de vida silvestre Mata do Junco a partir de técnicas de processamento digital de imagens orbitais. Foi verificado um decréscimo continuo nas áreas ocupadas por vegetação remanescente devido ao processo de urbanização e expansão da fronteira agrícola, fatores estes que corroboram com a perda de biodiversidade e qualidade ambiental local.

Downloads

Publicado

2012-07-27

Como Citar

Neto, J. O. M., Guimarães, D. V., & Gonzaga, M. I. S. (2012). Estimativa e análise temporal do uso e ocupação do solo no entorno do refúgio de vida silvestre Mata do Junco com base em processamento digital de imagens orbitais. Scientia Plena, 8(4(b). Recuperado de https://www.scientiaplena.org.br/sp/article/view/1014

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)